Da Galera do Caprichoso aos Gigantes do Morro: notas sobre torcidas organizadas no carnaval de Manaus e Festival de Parintins no Amazonas

Ricardo José de Oliveira Barbieri

Resumo


Das arquibancadas de arenas festivas como o sambódromo de Manaus (AM) e o bumbódromo de Parintins (AM) exploraremos o universo de torcidas organizadas da chamada Galera do Boi Bumbá Caprichoso e da escola de samba Reino Unido da Liberdade. Primeiro traremos o material etnográfico coletado em pesquisa junto a galera do Boi Caprichoso. Posteriormente nos debruçaremos sobre material coletado junto à torcida organizada Gigantes do Morro. Finalmente analisaremos o material apontando para possíveis desdobramentos para futuras reflexões sobre questões envolvendo torcidas organizadas em competições festivas.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.22228/rt-f.v13i1.1005

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


A Revista T&F está indexada nos seguintes serviços: Portal de Periódico da CAPES, EBSCO, BASE, Sumário de Revistas Brasileiras; Latindex, LivRe!, Google Acadêmico, Dialnet, DOAJ.

Periódico avaliado como B1 no WebQualis 2015 da CAPES na área de História; B2 nas áreas de Letras/Linguística, Ciências Sociais Aplicadas e Ciências Ambientais.

ISSN 1984-9036

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.