MESTRADO

 

LINHA 1

CANDIDATO(A)

NOTA

Everson Rodrigo Tatto

7,3

Fernanda Aparecida Antunes de Arruda

6,1

Isadora Cunha Muller

5,6

Jairo Sena Souza

7,1

Jean Carlos Pereira de Souza

7,8

Juan Pablo Isoton de Santana

9,5

Kawany Stephany da Silva

8,8

Luciana Alves Maciel

8,1

Soriano Tserewaridze

5,0

LINHA 2

CANDIDATO(A)

NOTA

Adélia Miguelina Correa

7,0

Daniel Seba

10,0

Karla Ribeiro Gabriel Mesquita

8,6

Lozinete da Silva Galdino

7,0

Maria Aparecida da Silva

4,9

Natalia Noemia Carvalho Ramires

8,5

Rafaela Gonçalves Costa Marques

7,7

Rebeca Bessa de Oliveira

9,0

Sandra Mara Teixeira Silva

3,5

Wilson da Silva Teodoro

8,3



LINHA 3

CANDIDATO(A)

NOTA

Anderson Pinheiro Torres

7,0

André Luiz da Silva Santos

2,3

Celio dos Santos

5,0

Luana Jessica Jakimim Schmidt Villela

7,3

Nelice Antunes Ferraz

4,5

Richard Santos Salazar

8,5

Ruan Gabriel de Almeida Vital

7,7





DOUTORADO

  

LINHA 1

CANDIDATO(A)

NOTA

Caio Cobianchi da Silva

8,6

Cesar Alves da Silva Filho

6,8

Elen da Silva Moraes Carvalho

6,5

Guilherme Rosa de Almeida

7,6

João Paulo Rossatti

9,3

Rhaissa Marques Botelho Lobo

7,1

Ricardo Julio Jatahy Laub Junior

6,6



LINHA 2

CANDIDATO(A)

NOTA

Eloi Felipe de Oliveira Thomas

6,5

Felipe Biguinatti Carias

9,6

Gustavo Pardo Salata Nahsan

7,2

João Batista Lobo dos Santos

2,9

Katia Gomes da Silva Amaro

8,0

Maria Auxiliadora Rodrigues Pinto Castilho

7,3

Silvio Takeshi Tamura

7,3

Suely Maria Pires

7,1

Viviane Gonçalves da Silva Costa

8,5



LINHA 3

CANDIDATO(A)

NOTA

Ana Paula Ennes de Miranda Eto

4,5

Ariadne Marinho Machado

8,1

Dejanna Keila Oliveira Campos

8,0

Elieth Barros Mendes

4,5

Elzira dos Santos Matos

7,2

Lucas Santos Café

7,3

Sandra Marcia Giaretta

3,5

X MOSTRA DA PÓS-GRADUAÇÃO - UFMT

PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM HISTÓRIA

PROGRAMAÇÃO:

Dia 31/10 – Manhã

 

7h30-9h15: MESA 1: Artes de governar e formas de pensar nas fronteiras (Moderação Profª. Drª Leny Caselli Anzai)

 

Um general do mato vivendo à sertanista: a trajetória de D. António Rolim de Moura na Capitania De Mato Grosso – Doutoranda Débora Cristina dos Santos Ferreira

Índios arredios, índios civilizados e as relações com os colonizadores em Mato Grosso, séculos XVIII e XIX – Doutoranda Francieli Aparecida Marinato

“Modernizar, Ordenar, Progredir”: a província de Mato Grosso no contexto do Primeiro Reinado e Regências (1822-1840) – Doutoranda Patrícia Figueiredo Aguiar

Tristán Roca Suarez e sua atuação na Guerra Grande – Ecos do labor intelectual de um desterrado (1866-1868) – Doutorando Leonam Lauro Nunes da Silva

Entre tipos, tintas e prensas a história se faz impressa: considerações sobre o periódico livre-pensador cuiabano A Reacção – Mestranda Sandra Miria Figueiredo Sousa

 

9h30-11h: MESA 2: Culturas e Identidades negras e quilombolas em Mato Grosso (Moderação Prof. Dr. Bruno Rodrigues)

Quilombo Abolição: Identidade e Diferença – Mestranda Cleia Batista da Silva Melo

Mãos negras em solo hostil: o processo de ocupação da terra por pequenos proprietários rurais negros e mestiços na Primeira República em Santo Antônio do Rio Abaixo – Doutoranda Cristiane dos Santos Silva

Festas, cultura, memória e sociabilidade no Complexo do Quilombo Mata Cavalo (2016-2018) – Mestranda Jackline Aparecida Silva

 

Dia 31/10 – Tarde

14h-16h: Mesa redonda: “Ensino de História, patrimônio e subjetividades: perspectivas de pesquisa”:
Doutoranda Laís Dias Souza da Costa
Doutorando Amauri Junior da Silva Santos
Doutorando Rafael Reinaldo Freitas

 

Dia 31/10 – Noite

19h-22h: Sessão de comunicações: Alunos do Mestrado
Mediador: Prof. Dr. Vitale Joanoni Neto

A política da escravidão em tempos de crise (1865 - 1888) - Giovanni Mamedes

O “tormento dos mártires” como discurso emocional nas produções eclesiásticas espanholas do final do século XVI. - Joyce Damaris Augusta Machado

Colonialidade do Poder: um problema oculto na Modernidade Latino Americana. - Rafael Gonçalves de Oliveira

História da Greves dos Trabalhadores da Educação Básica Pública de Mato Grosso 1989 a 2000. - Vania Maria Rodrigues Miranda

Políticas nacionais para ocupação territorial de Mato Grosso e a Casa Comercial Almeida & Cia (1870-1930). - Virginia Maria Castro de Almeida.

 

Dia 01/11 – Manhã

08h-11h30: Sessão de comunicações:

Indígenas no contexto escolar de Querência- MT: narrativas históricas de estudantes - Adrieli Müller Sehnem

Análise das ideias históricas de alunos do Ensino Médio sobre o conceito substantivo Democracia - Ana Paula Rodrigues Carvalho

Profissionalização feminina em Cuiabá: uma análise das narrativas da revista A Violeta e do jornal A Cruz (1920-1930) - Geisa Luiza Arruda

Perspectivas de aprendizagem histórica na educação infantil: o trabalho com fotografias de arquivos familiares - Jesuel Ferreira Da Silva

A presença do conservadorismo católico e do nacionalismo integralista na produção intelectual de Lucio José dos Santos - Luciana Gama

Narrativas históricas visuais, internet e diversidade étnico-racial: uma análise dos livros didáticos de História do Ensino Médio (PNLD 2015 e 2018) - Eloísa Maria Godinho Gomes

As representações do “Brasil Central” na obra de Karl von den Steinen (1883-1884) - Sérgio Henrique Pereira de Souza Ramos

O ensino de História regional e local nos planos de ensino das escolas estaduais de Cáceres, MT - Shirley Silva Souza

O Rasqueado cuiabano: estudo sobre as interações entre paraguaios e cuiabanos na formação da identidade mato-grossense (1865 a 1940) - Silbene Corrêa Perassolo da Silva

Amor, casamento, divórcio e adultério: efeitos discursivos sobre o feminino em Cuiabá 1934 - Valeska Bassi de Souza

Ensino de História, Consciência histórica e identidade: um estudo com professores de História que atuam na EJA/PR - Wilian Junior Bonete

A escrita de si como prática libertadora: cartas de Antonia Rosa, Ignez Pereira, Antonia Rodrigues e Maria Ruth apreendidas em processos criminais de defloramento instaurados em Cuiabá (1920-1940) - Mayara Laet Moreira

 

Dia 01/11 – Tarde

14h-18h: Sessão de comunicações: Alunos do Doutorado
Mediadores: Edvaldo Sotana e Rodrigo Davi Almeida

A sacralização do político nos escritos schmittianos: o mito do líder e a unidade total do povo (1921-1946) - Alencar Cardoso da Costa

A formação da identidade cristã islandesa após a Era Viking (séc. XI-XIV). - André Araújo Oliveira

A passagem da fraternitas para a Ordo: os frades minoritas como uma comunidade emocional (1220-1240) - Douglas Almeida Martins

Da longa duração para o tempo presente do Araguaia: A dimensão temporal presente nas narrativas e discursos durante a ocupação das margens do rio Araguaia e no conflito socioambiental em Luciara, Mato Grosso. - Juliana Cristina da Rosa

Reflexões sobre as políticas de colonização do norte do Estado de Mato Grosso ocorridas no período de 1978 a 1990. - Maria Arlinda da Silva

As intrigas do Imperador: uma análise de narrativas biográficas sobre D. Pedro II. - Mauro Henrique Miranda de Alcântara.

“Guerra es extrañamiento de paz, y movimiento de las cosas quedas y destrucción de las compuestas”: Guerra e Relações Militares durante o reinado de Alfonso X (1252-1284). - Rafael Costa Prata

História econômica dos Kaiowa habitantes na Reserva Indígena de Dourados-MS (2009-2017): As fronteiras, identidades culturais e desafios dos Kaiowa em viver a plenitude do seu Ñande Reko na atualidade. - Raul Claudio Lima Falcão.

 

Dia 01/11 – Noite

19h – 20h: MESA 3: Fronteiras e Identidades no mundo tardo antigo romano (Moderação Prof. Dr. Carlile Lanzieri Junior)

O deserto nas epístolas de São Jerônimo – Doutorando Eduardo Silva Leite

Um DEUS, uma lei: a construção da identidade romana no Corpus Iuris Civilis – Doutoranda Kelly Cristina da Costa Bezerra de Menezes Mamedes

20h15-21h45: MESA 4: Fronteiras interdisciplinares e historiográficas (Moderação: Profª. Drª. Thaís Leão Vieira

A crítica sobre Tropa de Elite II: Cria uma interpretação sobre a obra ou reforça a já existem? – Mestrando Felipe Biguinatti Carias

Fronteiras entre ciência e ficção no limiar da modernidade – Doutorando Luis Claudio dos Santos Bonfm

Antonio Candido Inventado: O Lugar Social e Epistemológico do Crítico – Doutorando Thales Biguinatti Carias

Por que a História continua? : A construção do conhecimento histórico através da obra de Georges Duby – Mestrando William Serdeira Garcia

UNIVERSIDADE FEDERAL DE MATO GROSSO

Instituto de Geografia, História e Documentação

Programa de Pós-Graduação em História

 

RELAÇÃO DE INSCRIÇÕES HOMOLOGADAS PARA A SELEÇÃO 2019

MESTRADO

LINHA 1

  1. Jean Carlos Pereira de Souza
  2. Isadora Culha Muller
  3. Kawany Stephany da Silva
  4. Luciana Alves Maciel
  5. Everton Rodrigo Tatto
  6. Soriano Tserewaridze
  7. Jairo Sena Souza
  8. Fernanda Aparecida Antunes de Arruda
  9. Juan Pablo Isoton de Santana

LINHA 2

  1. Rebeca Bessa de Oliveira
  2. Adélia Miguelina Correa
  3. Maria Aparecida da Silva
  4. Daniel Seba
  5. Lozinete da Silva Galdino
  6. Karla Ribeiro Gabriel Mesquita
  7. Rafaela Gonçalves Costa Marques
  8. Sandra Mara Teixeira Silva
  9. Natalia Noemia Carvalho Ramires

LINHA 3

  1. Richard Santos Salazar
  2. Ruan Gabriel de Almeida Vital
  3. André Luiz da Silva Santos
  4. Nelice Antunes Ferraz
  5. Celio dos Santos
  6. Anderson Pinheiro Torres
  7. Luana Jessica Jakimim Schmidt Villela

DOUTORADO

LINHA 1

  1. Cesar Alves da Silva Filho
  2. Guilherme Rosa de Almeida
  3. Caio Cobianchi da Silva
  4. Rhaissa Marques Botelho Lobo
  5. Ricardo Julio Jatahy Laub Junior
  6. Elen da Silva Moraes Carvalho
  7. João Paulo Rossatti

LINHA 2

  1. Felipe Biguinatti Carias
  2. Maria Auxiliadora Rodrigues Pinto Castilho
  3. Suely Maria Pires
  4. Gustavo Pardo Salata Nahsan
  5. Katia Gomes da Silva Amaro
  6. Silvio Takeshi Tamura
  7. Eloi Felipe de Oliveira Thomas
  8. Viviane Gonçalves da Silva Costa
  9. João Batista Lobo dos Santos

LINHA 3

  1. Elieth Barros Mendes
  2. Sandra Marcia Giaretta
  3. Ariadne Marinho Machado
  4. Elzira dos Santos Matos
  5. Ana Paula Ennes de Miranda Eto
  6. Lucas Santos Café
  7. Dejanna Keila Oliveira Campos

Cuiabá, 22 de outubro de 2018

O Colegiado do Programa de Pós-Graduação em reunião realizada no dia 05 de outubro homologou o parecer da Comissão Especial de Credenciamento que deferiu a solicitação do Prof. Dr. Bruno Pinheiro Rodrigues e indeferiu a solicitação do Prof. dr. Tiago Vieira de Jesus por falta de documentação. Diante da decisão o Prof. dr. Bruno Pinheiro Rodrigues esta credenciado como docente permanente do PPGHis vinculado a Linha 2.