Início Início Pesquisar Pesquisar Subir Subir
Detalhes do Download

A PROPAGANDA NA POLÍTICA DE COLONIZAÇÃO RECENTE EM BRASNORTE (1978-1986) CUIABÁ/MT 2014   

Pensar a política de colonização recente com base na propaganda exige um olhar crítico para a formação dos espaços geográficos que se constituíram em cidades que hoje compõem o território do estado de Mato Grosso. Para isso, procura-se fazer uma discussão historiográfica, destacando a importância da propaganda no contexto da política de ocupação no Brasil contemporâneo, mais especificamente em Brasnorte. Após as constantes campanhas publicitárias elaboradas pela colonizadora Brasnort Ltda., foram para essa região grande quantidade de colonos, fixando-se a terra, ajudando a construir a cidade de Brasnorte. Essas propagandas fizeram com que esses colonos acreditassem na possibilidade de uma vida "farta", em um local com grande quantidade de madeiras, terra propícia à plantação e à agricultura, exatamente características admiradas no Paraná, local onde se originou o foco de migração para Brasnorte. Nesse sentido, esses colonos desempenharam papel importante, pois, ao incorporar o discurso da terra mítica como verdadeiro, tornaram-se parte das relações de poder no cenário de ocupação dos “espaços vazios”, o que fez “brotar” no interior do estado muitas cidades. Assim surgiu Brasnorte, cidade localizada no norte do estado de Mato Grosso, associada à imagem de um local que proporcionaria riqueza em curto prazo, o que influenciou os colonos a irem para essas novas áreas de colonização. A pesquisa fez uso da imprensa escrita e de fontes orais, pois, com seu uso, pôde-se ampliar o conhecimento sobre o objeto de estudo. Considera-se esse tipo de abordagem pertinente, visto que auxiliou na compreensão do que os colonos pensavam sobre as propagandas veiculadas na década de 1970. A propaganda foi analisada na perspectiva de Nelson Jahr Garcia (1992) e Everaldo Pereira Guimarães Rocha (1985) e o poder, na óptica de Pierre Bourdieu (2002).

Dados

Tamanho 1.81 MB

Download